Conheça as propostas da Chapa 1 na eleição do triênio 2022-2025





Chapa 1 – “Entre ATOS e DIALOGOS: construindo a Fonoaudiologia que queremos”

Composição:

Efetivos Suplentes
Ana Soraya Campos Mangueira – CRFa 1-9372 Manuela Camera Alves – CRFa 1-12619
Andréa Cristina Rossi Di Gióia – CRFa 1-2694 Simone Monteiro Pallermo de Oliveira Viana – CRFa 1-2123
Andréa Michaela Leal de Macedo Neves – CRFa 1-8182 Felipe de Souza Ribeiro – CRFa 1-11428
Araceles Almeron Farias – CRFa 1-14611 Rita de Cássia Barreto Horácio e Silva – CRFa 1-8780
Béria Fortes Antunes – CRFa 1-3021 Viviane da Silva Rimes – CRFa 1-9837
Cláudia Fonseca Vitoriano da Silva – CRFa 1-7652-4 Patrícia Garcia Novo Di Renna – CRFa 1-8051
Beatriz Paiva Bueno de Almeida – CRFa 1-7128-2 Flávia Godinho Soares de Melo Barreto – CRFa 1-11151
Danielle Linhares dos Santos – CRFa 1-14859 Juliana Galvão Salóes do Nascimento – CRFa 1-14187
Dyego Oliveira da Silva – CRFa 1-13572 Amanda Almeida Machado – CRFa 1-15048
Karina Ferraiuolo – CRFa 1-7953 Mônica Fumian Narde – CRFa 1-12846
Lucienne de Oliveira Jesus Souza – CRFa 1-10977 Fabrícia Antelo Ramos Lois Duarte – CRFa 1-11260
Renata Christina Vieira – CRFa 1-8517 Tiago Rosa Pereira – CRFa 1-14006

 

Plataforma eleitoral:

Somos um time composto por fonoaudiólogos dedicados e comprometidos com nossa profissão e com o principal norteador da Fonoaudiologia: a comunicação humana!

Motivados pela contribuição que podemos ser juntos, criamos a Chapa “Entre ATOS e DIALOGOS: construindo a Fonoaudiologia que queremos”.

Contamos com diferentes competências dos fonoaudiólogos que compõem esta Chapa. Cada um traz complementariedade por meio de sua experiência acadêmica e profissional, do conhecimento em gestão, tecnologia, pesquisa científica, dentre outros, formando assim, uma rede de colaboração que tem como meta manter a Fonoaudiologia sempre viva, atuante, crescente e fortalecida em seu propósito.

A Chapa “Entre ATOS e DIALOGOS: construindo a Fonoaudiologia que queremos” quer dar VOZ e EXPRESSÃO a toda a classe fonoaudiológica — tanto aos recém-chegados, quanto àqueles que já vêm trilhando sua jornada nesta admirável carreira. Propomos estabelecer um canal aberto ao diálogo, gerando atos legítimos a favor da Fonoaudiologia que todos nós queremos.

Assumimos este compromisso com você, por você e pela nossa Fonoaudiologia.

Base para o trabalho:

Responsabilidade Social

o Pautar nossa conduta com rigor no controle da ética profissional dos fonoaudiólogos, bem como conferir, validar e/ou atuar disciplinarmente sobre a competência técnica dos fonoaudiólogos, estabelecendo canal aberto com a sociedade, levando a confiança e a credibilidade necessárias para o cumprimento de seu papel como entidade autárquica frente à sociedade.

Fortalecimento da Fonoaudiologia

o Propiciar ações direcionadas aos interesses de toda a classe fonoaudiolóeica, exercendo uma administração acessível e transparente. Temos como propósito convidar e estimular os profissionais a participarem de debates, rodas de conversas e  promover eventos que subsidiem as decisões sobre os assuntos inscritos no CRFa 1ª Região.

o Estreitar relações com o Conselho Federal de Fonoaudiologia (CFFa) e com entidades de classe, como a Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia (SBFa), Academia Brasileira de Audiologia (ABA), Associação Brasileira de Motricidade Orofacial (ABRAMO) e demais instituições para o desenvolvimento de ações em parceria;

o Promover espaços de discussão com os demais Conselhos que tenham interface com a Saúde, Educação, Ciência e Tecnologia, favorecendo assim, a participação do CRFa 1ª Região nos órgãos de controle social, integrando Comissões e Conselhos;

o Promover pesquisas de opinião entre os fonoaudiólogos e profissionais de áreas afins, de forma a embasar as ações do CRFa 1ª Região;

o Articular e propagar informações que sejam do interesse do fonoaudiólogo, divulgando concursos públicos, ofertas de oportunidades de trabalho, novidades sobre as áreas de atuação, pesquisas atualizadas, dentre outras que considerarmos importantes.

Fortalecimento da Fonoaudiologia para a Sociedade

o Informar à população sobre o campo de atuação do fonoaudiólogo, propiciando qualidade e ética nos serviços prestados.

o Promover pesquisas de opinião com a população de modo a nortear algumas ações do CRFa 1ª Região;

o Elaborar e executar campanhas e eventos para divulgação da atuação do fonoaudiólogo;

o Elaborar e distribuir materiais que divulguem a Fonoaudiologia.

Fortalecimento da Fonoaudiologia junto às Universidades

o Fomentar maior participação do Conselho nas Universidades através de palestras, eventos e até participação em algumas aulas, onde serão prestados esclarecimentos sobre o que é um Conselho e o seu funcionamento;

o Disponibilizar para as Universidades materiais informativos sobre as campanhas desenvolvidas pelo Conselho;

o Dar continuidade ao evento de Outorga.

Fortalecimento da Fonoaudiologia nas Políticas Governamentais

o Atuar com vigilância das Comissões que compõem a gestão. identificando e acompanhando as políticas públicas ligadas à Fonoaudiologia, estabelecendo boa articulação com o poder público no que se refere aos temas de Educação, Saúde,

Segurança Pública e demais áreas relacionadas à atuação do fonoaudiólogo;

o Criar parceria com o poder legislativo, levantando discussões ligadas à Fonoaudiologia;

o Estabelecer relação com as entidades governamentais em busca de apoio e incentivo para valorização e promoção da Fonoaudiologia no Estado do Rio de Janeiro.

Qualidade Ética dos Serviços Prestados

o Estabelecer parcerias com o Ministério Público, a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Ministério Regional do Trabalho, Fundação para a Infância e Adolescência (FIA), Conselhos Tutelares, Vara da Infância, da Juventude e do Idoso com o objetivo de assegurar à Sociedade um atendimento adequado, contribuindo, desta forma, para a neutralização do exercício ilegal da profissão, dentre outras colaborações oportunas para o momento.

o Garantir e ampliar o campo de trabalho profissional, valorizando e defendendo a profissão.

> Veja aqui as propostas da Chapa 2. 

Comentários estão fechados.